Portugal Fashion: nove ecrãs gigantes, cores inesperadas e muito rock

Os 1200m2 da Sala do Arquivo, na Alfândega do Porto, encheram-se com centenas de metros de tecido branco que caía do teto, paralelepípedos a fazer de bancos e nove ecrãs gigantes que invadiram a sala de desfile com o espírito de cada coleção. Uma passerelle única que resultou de forma brilhante em muitos dos desfiles.

Le Mot, a marca de t-shirts que nasceu de uma corajosa decisão de vida

A marca é bem portuguesa, mas tudo começou em Paris. Susana Santos trabalhava em Paris há 6 anos, tendo passado pela Jean-Paul Gaultier e pela Nina Ricci, quando decidiu regressar a Portugal e abrandar o ritmo de vida. A decisão não foi fácil e foi preciso um ano para amadurecer a ideia de que iria abandonar uma carreira em ascensão na área da moda, que foi o que sempre quis, aos 30 anos.

Local Goes Global, a Pop Up Store que leva as marcas nacionais para o mercado internacional

Levar as marcas portuguesas além-fronteiras é o principal objetivo do projeto Local Goes Global, uma iniciativa da ANJE com a organização da Kind Purposes. Falamos com Catarina Santos Cunha para saber mais sobre o projeto.

Latitid, a marca que começou a criar fatos de banho antes de ser moda

Hoje são muitas as marcas de biquínis e fatos de banho made in Portugal, mas quando a Latitid foi lançada a realidade era bem diferente. Foi precisamente a falta de alternativa aos reduzidíssimos biquínis brasileiros que levaram as irmãs Marta e Inês Fonseca, juntamente com Fernanda Santos, a lançar uma marca de fatos de banho à medida das mulheres portuguesas.

Joana Duarte: «Há muitas coleções sustentáveis incríveis, mas que não estão ao alcance dos estudantes ou designers pequenos»

«Nunca quis ter o meu próprio projeto, nunca achei que ia ter a minha própria marca. A Béhen acabou por se criar sozinha», começa por contar Joana Duarte, fundadora da Béhen. A declaração não nos podia deixar mais de queixo caído, é que a marca tem um conceito tão marcante que é quase impossível imaginar que não foi desenhado a régua e esquadro.

Nuno Baltazar: «O dia das filmagens foi um dia mais difícil, porque falta a adrenalina e a confusão dos bastidores»

O microfone que protagonizou o desfile de Nuno Baltazar tinha um propósito. Todas as modelos que dele se aproximaram disseram: ‘Devias estar aqui rente aos meus lábios’. Uma frase do poeta Eugénio de Andrade, que não se ouviu no vídeo, mas que foi dita. Foi sobre esta e outras tantas coisas, que são impercetíveis numa coleção, que falámos com Nuno Baltazar.